A notícia da descoberta de restos de exército egípcio no Mar Vermelho é falsa

Por Márcia Jamille | @MJamille | Instagram

Eu já tinha ouvido falar desse hoax várias vezes, inclusive recebo o tempo todo sugestões de pessoas pedindo para eu dar uma olhada nos trabalhos realizados com os artefatos encontrados no Mar Vermelho, mas nunca indicavam artigos científicos e nem mesmo nomes de pesquisadores. Contudo, eu não imaginava que essa farsa ia começar a ser tomada como verdade até entre alguns pesquisadores em compartilhamentos na internet.

Isso ocorre porque o pessoal está compartilhando notícias sem procurar saber a fonte real, como é o caso da matéria “Mar Vermelho: Arqueólogos descobrem restos do exercito egípcio do Êxodo bíblico” do site “Sempre Questione” que, como o nome bem diz, convida o leitor a se perguntar se o que está ali é real.

O fato é que o “Sempre Questione” é um site ao estilo “Sensacionalista” e esta matéria sobre o exército foi retirada do World News Daily Report, outro site do seguimento, ou seja, é tudo é só uma brincadeira. Abaixo parte do print da notícia original:

Para quem ficou curioso a foto utilizada é de uma pesquisa de Arqueologia Subaquática realizada no México. Para saber mais sobre a pesquisa veja aqui: Was Naia the first American? Teenage girl’s skeleton found deep in underwater Mexican cave dates from the last ice age 13,000 years ago and is oldest ever found in the Americas.

Márcia Jamille

Arqueóloga formada pela UFS com a monografia “Egito Submerso: a Arqueologia Marítima Egípcia” e mestra em Arqueologia também pela UFS com a pesquisa “Arqueologia de Ambientes Aquáticos no Egito: uma proposta de pesquisa das sociedades dos oásis do Período Faraônico”. É administradora do Arqueologia Egípcia e autora do livro "Uma viagem pelo Nilo". [Leia seu perfil]