Estes bebês foram sepultados “coroados” com ossos de outras crianças

Uma descoberta arqueológica raríssima foi feita no Equador: dois bebês foram sepultados, cada um, usando uma espécie de “capacete” feito com o crânio de outras crianças. Na falta de uma boa referência visual: os bebês foram vestidos com uma segunda cabeça… Ou seja, em cada sepultura foram encontrados dois indivíduos — o bebê e a cabeça de uma criança mais velha —. 

Os arqueólogos que realizaram a descoberta e as análises dizem que não existem precedentes deste tipo de sepultamento nem no Equador e nem em toda América.

Não se sabe os motivos por trás deste enterro, em verdade as pesquisas ainda estão em andamento.

Porém, algumas informações importantes foram obtidas tais como as idades aproximadas das quatro crianças e a possibilidade de que ao menos os bebês tenham falecido por conta de uma anemia.

Quer saber mais? No vídeo abaixo eu explico alguns detalhes desta descoberta 

Avatar

Arqueóloga formada pela UFS com a monografia “Egito Submerso: a Arqueologia Marítima Egípcia” e mestra em Arqueologia também pela UFS com a pesquisa “Arqueologia de Ambientes Aquáticos no Egito: uma proposta de pesquisa das sociedades dos oásis do Período Faraônico”. É administradora do Arqueologia Egípcia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *