Eu, meu livro e Arqueologia no programa “Expressão”

No dia 11/07/2014 (já faz um tempinho né) fui convidada pelo o programa “Expressão” da TV Aperipê para falar sobre Arqueologia e o meu livro publicado na época: o “Uma viagem pelo Nilo”. Foi algo da noite para o dia: recebi alguns telefonemas durante a tarde e no dia seguinte eu já estava me arrumando para ir ao programa.

Raramente assisto TV aberta e não seria novidade alguma eu não conhecer de fato o canal TV Aperipê, não tem problemas eu falar isso na internet porque eles sabiam disso. Então fui com a cara e a coragem.

Gente, é sério! Tem lugares para onde já fui que eu simplesmente perdi a oportunidade de mostrar para vocês e a TV Aperipê é um deles. Todos os funcionários que me atenderam foram extremamente atenciosos comigo. Como acompanhante levei a minha própria irmã e eles também fizeram o máximo para deixá-la confortável. Também tive a oportunidade de conversar com os outros entrevistados. Foi bem legal.

Eu nunca tinha ido para um programa de estúdio (nunca fui para programa algum, para início de conversa) e só posso dizer que é bem legal. Minha irmã tirou algumas fotos pelo o celular, por isso a qualidade não é a das melhores, mas dá para vocês terem uma ideia:

O Pasqual também foi muito legal. Quando sentei eu estava extremamente desconcertada e ele começou a puxar assunto enquanto não começavam as gravações. A gente falou sobre várias coisas.

Já a entrevista acabou saindo muito da pauta, o que me assustou bastante. A nossa conversa informal antes das gravações tinha mais a ver com a proposta original do que a entrevista em si (eu até recebi mensagens de dois colegas/amigos reclamando depois), mas mesmo assim foi bacana. Abaixo está a entrevista na integra (podem pular a parte dos golfinhos, porque é looooonga):

Bom, no dia em que a entrevista foi ao ar eu não poderia assistir porque coincidia com o horário do lançamento do meu livro em Aracaju, porém, disponibilizei um link para os leitores poderem assistir “ao vivo” pela internet. E no dia seguinte ao lançamento eu tinha que pegar a estrada para ir a um trabalho de campo (ainda lembro da minha pessoa morrendo de sono precisando assinar livros em casa enquanto tinha que arrumar as malas). Passei semanas quase que totalmente incomunicável até agosto! Foi quando pude ver o resultado. 

Eu não achei este vídeo listado no Youtube (acho que ele não está disponível para a busca 🙁 ), então eu resolvi publicá-lo no Facebook cortado, tirando aquela parte dos golfinhos.

#MeuAniversário: Respondendo perguntas dos leitores!

Nossa, como o ano passa incrivelmente rápido! Um dia destes eu estava felicitando vocês com “Feliz Ano Novo” e agora estou comemorando o meu aniversário. Que loucura!

Os últimos meses foram bem insanos para o Arqueologia Egípcia, precisei sacrificar minhas madrugadas, mas posso dizer que está valendo a pena porque eu, graças ao site, estou alcançando novas coisas. Contudo não tenho que me ater somente ao meu esforço porque vocês também fazem parte disso, afinal é graças a vocês que o site continua a funcionar e a chegar a mais e mais pessoas.

Eu em um dos vídeos de rua do A.E. onde levei vocês para visitar uma exposição sob o meu ponto de vista. Imagem: Márcia Sandrine. 2015.

Por isso, em agradecimento por este grande presente na segunda pedi para vocês enviarem perguntas para serem respondidas em vídeo com a proposta de que possam também participar desse dia tão especial. Abaixo o resultado:

Youtube | Facebook | Instagram | Twitter

Pois é, como bem falei no vídeo este canal é novo (eeee!!!!) e espero ter mais liberdade para publicar vídeos diferentes 😀 Quem quiser inscrever-se nele é só clicar no botão abaixo:

Até mais!

Dando um UP nos sites que relataram minha passagem por Blumenau (2014)

Finalmente comecei a reunir minhas breves passagens pela imprensa aqui no blog, o que será de todo útil para uma série de pessoas, inclusive para mim, que posso ter próximo lembranças das atividades que andei realizando por aí.

Quando estive em Blumenau (SC) fui alertada por um dos ouvintes (e posteriormente por um leitor via Facebook) que minha viagem tinha sido comentada na imprensa. Eu tinha achado interessante, mas confesso que não tinha dado muita bola, até que, após uma breve pesquisa no Google por textos meus me deparei com estes três sites abaixo:

http://www.oblumenauense.com.br/site/acontece-em-blumenau-um-seminario-sobre-o-egito-faraonico/

http://www.blumenews.com.br/site/index.php/entretenimento/item/12641-furb-sedia-semin%C3%A1rio-sobre-egito-fara%C3%B4nico

E claro, no site da própria instituição:

http://www.furb.br/web/1704/noticias/arquivo/2014/05/furb-sedia-seminario-sobre-egito-faraonico/3151

Quer saber como foram as palestras lá? Leia Palestra em Blumenau e apresentação do livro “Uma viagem pelo Nilo” ou Alguns dos dias mais especiais da minha vida: Apresentações do meu livro.

Se vocês forem encontrando outras coisas podem enviar para mim. Pode ser através do meu Twitter (@MJamille), Instagram (marciajamille), Facebook (Marcia Jamille – Arqueologia Egípcia) ou por e-mail (sitearqueologiaegipcia@gmail.com).

Mais um ano completo!

Mais um ano de vida se completou para mim, mas desta vez cheio de surpresas e realizações. Dei entrevistas, publiquei o meu primeiro livro, tenho um segundo pronto esperando a publicação e já tenho um terceiro sendo escrito. São coisas que me fazem olhar para trás e perceber que todo o sofrimento e humilhação pelos quais passei até certo ponto valeram a pena.

Imagem reprodução.

Conheci pessoas maravilhosas também, com histórias interessantes e únicas, mas preciso ser sincera: outras eu adoraria simplesmente apagar da minha memória.

Pude passar tempos maravilhosos com alguns dos meus amigos que ainda posso ver, já outros, que também trabalham com a Arqueologia, estão espalhados por este brasilzão, mas é justamente por isto que gosto de escrever no site e no blog, uma vez que alguns deles costumam me acompanhar pelos mesmos, “para saber como estão as coisas”, nas palavras de um deles.

Hoje estou completando 27 anos e a impressão que tenho é que não vivi nada. Ainda espero – e sinto que tenho que – realizar muitas coisas, não voltada somente para a Arqueologia Egípcia, mas em outros setores da minha vida.

Então, feliz aniversário para mim!

Erros de gravação do vídeo “5 indicações de livros de Egiptologia”

Gravei mais um vídeo para vocês, mas desta vez com uma iluminação melhorzinha, ao contrário do vídeo anterior. O material ficou com 10 min e já publiquei lá no site, mas não custa nada por aqui também.

No vídeo eu comento cinco livros que eu acho que podem dar uma boa base acerca da história do Antigo Egito para quem está planejando se tornar egiptóloga (o).

O material original tem cerca de uma hora de duração e infelizmente precisei cortar muitos comentários interessantes, até mesmo acerca da morte do prof. Ciro (somente depois de publicado foi que percebi isto). Dentre tantas falas ocorreram alguns momentos cômicos, então resolvi fazer um vídeo com estas partes (clique na imagem abaixo para ver; Um link para o vídeo no Facebook será aberto):

Márcia Jamille.

Youtube | Facebook | Instagram Twitter

Esta camiseta que aparece no vídeo pode ser adquirida clicando aqui.

Entrevista comigo e anuncio do tema do meu livro

Saiu esta semana a entrevista que dei para o Arqueologia em Ação, um projeto em que participo paralelamente ao Arqueologia Egípcia. O idealizador do canal é o João Carlos Moreno, que é aluno da pós-graduação em Arqueologia do MAE-USP.

Eu já tinha dado uma entrevista antes, mas foi para uma TV local para comentar acerca da inauguração do Campus de Laranjeiras (SE), onde hoje funcionam os cursos de Graduação e Pós-Graduação em Arqueologia da UFS.  Mas foi algo rápido, nada que ficasse focado em mim o tempo todo.

O convite para participar do piloto surgiu quando o João veio para Aracaju, creio que duas semanas antes da reunião nacional e congresso da Sociedade de Arqueologia Brasileira (SAB) e comentou que planejava fazer algumas entrevistas e queria tentar uma comigo. Recusei na hora, mas ele pediu para que ao menos eu experimentasse e fizemos um “ensaio” na casa de uma amiga em comum e também arqueóloga e atualmente estudante da pós-graduação em Arqueologia na UFS, a Fernanda Libório, para ver como eu me saia.

arqueologia_em_acao_01

A questão é que assim que começou o ensaio com direito a câmera e gravação de voz acabei ficando tagarela e por fim percebendo que talvez a experiência não seria traumática. Foi resolvido então que eu seria entrevistada no Museu da Gente Sergipana e o resultado foi um ótimo trabalho da equipe que compôs o projeto piloto do Arqueologia em Ação naquele momento.

Na entrevista eu comento acerca de assuntos bem diferentes, desde como surgiu a ideia da criação do site Arqueologia Egípcia até a divulgação do tema do meu livro, o qual fiz segredinho até agora.

Na ordem: Ms. Márcia Jamille, João Carlos Moreno e Thobias Cerqueira. Foto: Fernanda Libório. 2013.

Na ordem: Ms. Márcia Jamille, João Carlos Moreno e Thobias Cerqueira. Foto: Fernanda Libório. 2013.

Só posso dizer que a equipe fez algo espetacular, que foi me convencer a aparecer em frente a uma câmera. Sou extremamente tímida, mas no final acabou tudo saindo bem.

Abaixo a entrevista:

Link do Canal: http://www.youtube.com/arqueologiaemacao