Tumba recém descoberta no Egito revela múmias e máscaras mortuárias

Por Márcia Jamille | @MJamille | Instagram

Hoje mais cedo, autoridades do Ministério de Antiguidades do Egito revelaram para imprensa detalhes de uma tumba recém-descoberta em Draa Abu-el Naga (Luxor). A sepultura pertenceu a um casal: O homem chamava-se Amenemhat, um ourives do deus Amon e a mulher era chamada de Amenhotep. Eles viveram durante a 18ª Dinastia, mas o túmulo foi utilizado em outros períodos, tais como a 21ª e a 22ª Dinastia.

No local foram achados sarcófagos, estatuetas, potes cerâmicos e outros artefatos. Restos mumificados também estão presentes e dentre eles estão as múmias de uma mulher e seus dois filhos adultos. Máscaras mortuárias pertencentes a quatro oficiais igualmente foram encontradas.

A entrada da tumba foi descoberta no pátio de outra sepultura e ela leva para uma câmara quadrada. Lá dentro existe uma representação do casal no interior de um nicho. Estas estátuas são feitas de arenito e estão parcialmente danificadas. Entre as suas pernas está a representação do filho do casal, que de acordo com os arqueólogos que fizeram a descoberta seria algo inusitado, uma vez que o comum eram as filhas ou as noras ser apresentadas dessa forma e não os rapazes.

Apesar dos saques e dos sepultamentos mais tardios, entre os artefatos foram descobertos objetos do casal.

Fontes: 

Newly unearthed ancient tomb with mummies unveiled in Egypt. Disponível em < http://edition.cnn.com/2017/09/09/africa/egypt-luxor-ancient-tomb/index.html?utm_content=bufferd2214&utm_medium=social&utm_source=twitter.com&utm_campaign=buffer >. Acesso em 09 de setembro de 2017.

Tomb of Pharoah’s goldsmith who died 3,500 years ago is discovered in Luxor in ancient civil service cemetery. Disponível em < http://www.dailymail.co.uk/news/article-4868124/Tomb-Pharoah-s-goldsmith-discovered-Luxor.html#ixzz4sEE4fxvZ >. Acesso em 09 de setembro de 2017.

Márcia Jamille

Arqueóloga formada pela UFS com a monografia “Egito Submerso: a Arqueologia Marítima Egípcia” e mestra em Arqueologia também pela UFS com a pesquisa “Arqueologia de Ambientes Aquáticos no Egito: uma proposta de pesquisa das sociedades dos oásis do Período Faraônico”. É administradora do Arqueologia Egípcia e autora do livro "Uma viagem pelo Nilo". [Leia seu perfil]