Sobre a notícia de papagaios mumificados no Egito: ela é falsa!

Por Márcia Jamille | @MJamille | Instagram

Nos últimos dias começou a circular na internet uma foto mostrando o que parecem ser papagaios mumificados e sempre acompanhada pela legenda “papagaios mumificados, Egito”. Estes compartilhamentos estão surgindo em contas de redes sociais estrangeiras, mas não duvido nada que possam chegar ao nosso Brasil.

A questão é que esta imagem em nada tem a ver com o Egito Antigo e em verdade nem mesmo são múmias! Tratam-se de peças artísticas feita por uma mulher chamada Eline ‘t Sant. Ela fez estes papagaios com látex, tecido, argila, algodão, couro, ossos, acrílico, pigmentos naturais e pinturas [1]. Existem mais dessas pecinhas, só que em diferentes modelos:

E tem em outras cores:

Ou seja: esse é mais um caso celebre de hoax, bait, em palavras simples uma notícia falsa. Sem contar que papagaios têm como habitat florestas úmidas, bosques e matas. Seria no mínimo interessante encontrá-los no deserto do Saara.

 

Fonte:

[1] Eline ‘t Sant – Parrots Installations and Assemblages. Disponível em < http://blog.kiwitan.com/2010/05/eline-t-sant-parrots-installations-and.html >. Acesso em 23 de abril de 2018.

A notícia da descoberta de restos de exército egípcio no Mar Vermelho é falsa

Por Márcia Jamille | @MJamille | Instagram

Eu já tinha ouvido falar desse hoax várias vezes, inclusive recebo o tempo todo sugestões de pessoas pedindo para eu dar uma olhada nos trabalhos realizados com os artefatos encontrados no Mar Vermelho, mas nunca indicavam artigos científicos e nem mesmo nomes de pesquisadores. Contudo, eu não imaginava que essa farsa ia começar a ser tomada como verdade até entre alguns pesquisadores em compartilhamentos na internet.

Isso ocorre porque o pessoal está compartilhando notícias sem procurar saber a fonte real, como é o caso da matéria “Mar Vermelho: Arqueólogos descobrem restos do exercito egípcio do Êxodo bíblico” do site “Sempre Questione” que, como o nome bem diz, convida o leitor a se perguntar se o que está ali é real.

O fato é que o “Sempre Questione” é um site ao estilo “Sensacionalista” e esta matéria sobre o exército foi retirada do World News Daily Report, outro site do seguimento, ou seja, é tudo é só uma brincadeira. Abaixo parte do print da notícia original:

Para quem ficou curioso a foto utilizada é de uma pesquisa de Arqueologia Subaquática realizada no México. Para saber mais sobre a pesquisa veja aqui: Was Naia the first American? Teenage girl’s skeleton found deep in underwater Mexican cave dates from the last ice age 13,000 years ago and is oldest ever found in the Americas.