Tumba com mais de 4.000 anos é aberta à visitação

Por Márcia Jamille Costa | @MJamille | Instagram

Após quase passar 80 anos fechada, a notável tumba de um oficial de alta patente chamado Mehu finalmente foi aberta ao público. Esta sepultura localizada em Saqqara chama a atenção porque possui ilustrações em suas paredes mostrando vários aspectos da vida cotidiana durante o Egito Antigo da 6ª Dinastia, Antigo Reino. Ela possui um longo corredor que leva a seis câmaras.

Foto: ahram.org

Foto: ahram.org

“A tumba é uma das mais belas da Necrópole de Saqqara, porque ainda mantém suas cores vivas e cenas distintas”, disse Khaled El-Enany, ministro das antiguidades, acrescentando que entre as cenas mais peculiares da tumba está uma representando o casamento entre crocodilos na presença de uma tartaruga.

Esta sepultura foi descoberta em 1940 pelo egiptólogo Zaki Saad, mas, foi fechada para a visitação do público tempos depois. Agora, após trabalhos de restauros e a inclusão de um sistema de iluminação ela está pronta para receber turistas. A sua reabertura contou com a presença de embaixadores de alguns países, incluso o Brasil.

Foto: ahram.org

Os trabalhos de arqueologia constataram que além de vizir Mahu também era escriba dos documentos reais e chefe dos júris. Igualmente foi descoberto que lá também foram sepultados Mery Raankh, filho de Mehu, e seu neto Hetep Kha II.

Mais fotos:

Foto: EFE

Foto: EFE

Foto: EFE

Tenha em casa: Quer ter uma imagem que remeta aos antigos artistas egípcios? A Edições Del Prado, uma editora especializada em vendas de fascículos com imagens colecionáveis, possui uma coleção intitulada “Cenas do Egito Antigo”. Uma delas é justamente a de artistas desenhando uma imagem parietal tal como devem ter feito na tumba desta rainha.

Clique aqui para conferir a peça ou aqui para ver as demais cenas.

Foto: Reuters

Foto: Reuters

Fontes:

4,000-year-old Egyptian Tomb of Mehu opens to the public for the first time. Disponível em < https://edition.cnn.com/travel/article/egypt-tomb-mehu-africa/index.html >. Acesso em 14 de setembro.

Egypt inaugurates tomb of sixth dynasty Vizier Mehu’s in Saqqara Necropolis 8 decades after its discovery. Disponível em < http://english.ahram.org.eg/News/311129.aspx >. Acesso em 14 de setembro.

Breathtaking Ancient Egyptian tombs dating back to the Sixth Dynasty are reopened to the public for the first time since they were discovered nearly 80 years ago. Disponível em < https://www.dailymail.co.uk/news/article-6146741/Breathtaking-Ancient-Egyptian-reopened-public.html >. Acesso em 14 de setembro.

Abren por primera vez la espectacular tumba de Mehu en Egipto. Disponível em < https://www.abc.es/cultura/abci-abren-primera-espectacular-tumba-301339124902-20180908170317_galeria.html >. Acesso em 14 de setembro.

Zahi Hawass e a busca por uma nova tumba (a qual espera-se que seja de Ankhesenamon)

Por Márcia Jamille | @MJamille | Instagram

Desde janeiro (2018) uma equipe de arqueologia liderada pelo o arqueólogo egípcio Zahi Hawass está procurando por uma tumba no Vale Oeste (também chamado de Vale dos Macacos), uma área mais periférica do Vale dos Reis. Essas escavações estão sendo financiadas pela Discovery Channel e como eu já tinha previsto aqui no Arqueologia Egípcia a empresa está fazendo isso porque lançará uma série de documentários sobre o assunto. A série deve estrear ainda este ano na Discovery Channel e no Science Channel.

— Saiba mais: Arqueólogo Zahi Hawass inicia busca pela tumba da esposa de Tutankhamon

As escavações estão ocorrendo sob sigilo, para manter a exclusividade da descoberta, mas a Discovery liberou uma foto dessas escavações:

Foto: Discovery Channel

Esta pesquisa começou depois que a equipe de Hawass encontrou objetos funerários nesta região e devido a proximidade com os túmulos dos faraós Amenhotep III e Ay, especulou-se que ali poderia estar a tumba da rainha Ankhesenamon, esposa de Tutankhamon.

Mas por hora nada é certo.

Saiba um pouco mais sobre esta pesquisa através deste vídeo que gravei para o canal do Arqueologia Egípcia:

E conheça a rainha Ankhensenamon e o seu esposo assistindo a este vídeo:

Fonte:

Has Tutankhamun’s tragic teenage wife been found? Documentary on the dig for the body of Ankhesenamun who ‘married her father, her grandfather AND her half-brother’ could reveal new clues. Disponível em < http://www.dailymail.co.uk/sciencetech/article-5602817/Discovery-Channel-filming-archaeologists-digging-body-Tutankhamuns-wife-Ankhesenamun.html >. Acesso em 23 de abril de 2018.

Have Archaeologists Discovered the Tomb of King Tut’s Wife? Maybe. Disponível em < https://www.livescience.com/62264-search-king-tut-wife-tomb.html >. Acesso em 23 de abril de 2018.