Querem Hawass fora do ministério

 

Por Márcia Jamille Costa | @MJamille

 

Este domingo (3 de julho de 2011) manifestantes se reuniram em frente ao Ministério de Defesa pedindo que Zahi Hawass, atual Ministro de Antiguidades Egípcias, se demita. O pedido tem como base algumas queixas de irregularidades quanto ao seu mandato, inclusive em relação a algumas das peças roubadas do Museu do Cairo durante as manifestações de janeiro. Segundo as acusações, existem peças que não foram listadas e que estão sumidas. “Zahi nunca providenciou documentos oficiais sobre o que continua desaparecido do Museu Egípcio”, disse Nasser Ibrahim, um funcionário do departamento do ministério de restauração que complementou “Exigimos que uma comissão internacional seja formada para fazer um inventário completo de artefatos do museu”.

 

 

Dr. Zahi Hawass. Disponível em < http://www.kelmetnamag.com/article/14039 >. Acesso em 3 de junho de 2011.

 

 

“As câmeras de segurança do museu não estavam funcionando durante o assalto. Isto era da responsabilidade do anterior secretário-geral do Conselho Supremo de Antiguidades (cargo que Hawass ocupava na época)”, diz Intessar Gahrib, o coordenador de mídia do protesto “Temos apresentado documentos que comprovem as nossas reivindicações ao gabinete do Procurador Geral, e nós estamos exigindo que o Conselho Militar olhe para eles. Eles provam sua negligência e corrupção”, complementou.

As manifestações ocorreram justamente no momento em que Hawass não está disponível em seu país, neste momento ele está aqui na America do sul, no Peru, para participar da II Conference on Retrieving Stolen Artifacts (II Conferencia de Devolução de Artefatos Roubados). 

 

Fonte da reportagem (com tradução parcial): As Zahi Hawass flies to Peru, protesters call for the minister to step down. Disponível em < http://www.almasryalyoum.com/en/node/474052 >. Acesso em 3 de julho de 2011.

 

Márcia Jamille

Arqueóloga formada pela UFS com a monografia “Egito Submerso: a Arqueologia Marítima Egípcia” e mestra em Arqueologia também pela UFS com a pesquisa “Arqueologia de Ambientes Aquáticos no Egito: uma proposta de pesquisa das sociedades dos oásis do Período Faraônico”. É administradora do Arqueologia Egípcia e autora do livro "Uma viagem pelo Nilo". [Leia seu perfil]

Um comentário sobre “Querem Hawass fora do ministério

  1. O seguinte comentário foi editado por estar em caixa alta:

    Estava vendo Zahi Hawass, pelo canal History e fiquei decepcionada.
    Ele não é nada daquilo que mostrava em muitas entrevistas. Nunca vi uma pessoa tão prepotente, tão insuportável.muito diferente da imagem que ele costumava mostrar para os turistas ou nas suas palestras.sua amizade com o ditador Mubarack e sua atitude de faraó da 1ªDinastia, só contribuíram para sua queda.
    Na minha opinião, já vai tarde. Ultrapassado e dominador. As antiguidades egípcias, não pertenciam ao povo egípcio, mas, a ele.
    Bom… Essa era a imagem que ele queria passar.

Os comentários estão desativados.