Menção ao faraó Ramsés II é encontrada em templo em Israel

Por Márcia Jamille Costa | @MJamille | Instagram

Um templo cananeu com cerca de 3.200 anos foi descoberto onde outrora se encontrou a cidade bíblica de Laquis, que durante a antiguidade passou alguns tempos sob o domínio do império egípcio. A descoberta foi feita por uma equipe de arqueólogos liderada pelo professor Yosef Garfinkel, da Universidade Hebraica de Jerusalém, e pelo professor Michael Hasel, da Universidade Adventista do Sul, no Tennessee.

Equipe de arqueologia trabalhando no local

E uma das coisas que mais chamou a atenção nesta pesquisa foi o descobrimento de caldeirões de bronze, punhais, cabeças de machados, escaravelhos e uma garrafa banhada a ouro com o nome do faraó Ramsés II, que viveu durante o Novo Império, 19ª Dinastia. 

Fundo dos escaravelhos egípcios encontrados

Eles também descobriram um amuleto aparentemente inspirado na deusa Hathor, divindade egípcia do amor, festas e alegria. “Aparentemente” porque na imagem o que vemos é uma figura feminina nua com o típico cabelo em arco da deusa.

Suposta imagem da deusa Hathor

Agora, o que tem a ver o Egito com Israel? Por que o nome de Ramsés II foi encontrado neste templo em Laquis? 

Laquis é uma antiga cidade que se encontra no centro de Israel. Surgida por volta de 1800 a. E. C., cerca de 400 anos mais tarde foi atacada e destruída pelo faraó Tutmés III (Novo Império, 18ª Dinastia). Décadas depois, durante o Período Amarniano (Novo Império, 18ª Dinastia), o governo de Laquis troca correspondências com o governo egípcio através das atualmente chamadas “Cartas de Amarna”. E o link entre os dois países continua a existir durante o governo de Ramsés II. 

Fonte: 

Ancient Canaanite Temple With Statues of Baal Found in Southern Israel. Disponível em < https://www.haaretz.com/archaeology/.premium.MAGAZINE-ancient-canaanite-temple-with-statues-of-baal-and-standing-stones-found-at-lachish-1.8551716 >. Acesso em 18 de fevereiro de 2020. 

Márcia Jamille

Arqueóloga formada pela UFS com a monografia “Egito Submerso: a Arqueologia Marítima Egípcia” e mestra em Arqueologia também pela UFS com a pesquisa “Arqueologia de Ambientes Aquáticos no Egito: uma proposta de pesquisa das sociedades dos oásis do Período Faraônico”. É administradora do Arqueologia Egípcia e autora do livro "Uma viagem pelo Nilo". [Leia seu perfil]

2 comentários sobre “Menção ao faraó Ramsés II é encontrada em templo em Israel

Os comentários estão desativados.