Ainda vale a pena estudar Arqueologia? | #MulherADA TEC

Por Márcia Jamille | @MJamille | Instagram

Por quase 300 anos arqueólogos têm escavado lugares antigos em busca da história da humanidade. Como consequência, sempre vemos revistas, sites e documentários anunciando descobertas incríveis, o que leva as pessoas a me questionar o seguinte: ainda existem descobertas sensacionais para ser feitas?

Paralelamente, em um mundo cada vez mais digital muitos se questionam se ainda existe espaço para escavações arqueológicas no futuro, afinal, está tudo documentado nas redes-sociais. 

Para responder a ambas estas questões irei para Campinas (SP) onde participarei do encontro MulherADA TEC. Este é um evento de tecnologia que está sendo organizado pela agência NuminaLabs, com o patrocínio do iFood, Instituto Serrapilheira e com o apoio do Instituto Pavão Cultural e Chopp Com Ciência. 

Este evento é para entusiastas da ciência, então, venha sem medo! O ingresso custa R$30,00 e eles são limitados

Que conhecer todas as palestrantes do MulherADA TEC? Segue:

Ana Carolina da Hora (Computação Da Hora) –  “Pensamento Computacional como estratégia da cidadania digital”.

Virgínia Fernandes e Camila Laranjeira (Peixe Babel) – “O que competições tec podem te ensinar?”

Rita WU – “Inteligências tecnológicas: abordagens criativas para um futuro menos distópico”.

Márcia Jamille (Arqueologia Egípcia) – “O Futuro pertence à Arqueologia?”.

Sandra Ávila – “Inteligência artificial tornando a medicina mais humana”.

Local: 

Instituto Pavão Cultural; 

Rua Maria Tereza Dias da Silva, 708;

Cidade Universitária, Campinas

Fone (19) 3397-0040

Ingressos: R$ 30,00 (lugares limitados)

Compre aqui: https://www.sympla.com.br/encontro-mulherada-tec__791827

Realização: NuminaLabs

Patrocinadores: Instituto Serrapilheira / iFood

Apoio: Instituto Pavão Cultural

Márcia Jamille

Arqueóloga formada pela UFS com a monografia “Egito Submerso: a Arqueologia Marítima Egípcia” e mestra em Arqueologia também pela UFS com a pesquisa “Arqueologia de Ambientes Aquáticos no Egito: uma proposta de pesquisa das sociedades dos oásis do Período Faraônico”. É administradora do Arqueologia Egípcia e autora do livro "Uma viagem pelo Nilo". [Leia seu perfil]