Quanto valia um bovídeo no Antigo Egito?

Update:

Ocorreu um embate acirrado na enquete para saber quantos deben valia um boi na época dos faraós. Embora 10 e 100 deben tenham empatado nenhum deles é a resposta certa. O valor de um bovídeo naquela época era de 50 deben. Um trabalhador no antigo Egito ganhava cerca de 10 deben… Já dá para ter uma margem de quanto um animal destes poderia ser muito caro.


Márcia Jamille

Arqueóloga formada pela UFS com a monografia “Egito Submerso: a Arqueologia Marítima Egípcia” e mestra em Arqueologia também pela UFS com a pesquisa “Arqueologia de Ambientes Aquáticos no Egito: uma proposta de pesquisa das sociedades dos oásis do Período Faraônico”. É administradora do Arqueologia Egípcia e autora do livro "Uma viagem pelo Nilo". [Leia seu perfil]

4 comentários sobre “Quanto valia um bovídeo no Antigo Egito?

  1. Gostaria de receber informações sobre a arqueologia egipicia no dominio das escavações quanto no trabalho de restauração das inscrições e dos monumentos.
    Abraços!!!!!

  2. de acordo com as descrições do geografo estrabão e do historiador herodoto, qual o significado do olhar grego diante dos monumentos e do modo de vida do homem egipicio.
    abraços!!

    • Olá Paulo Silvio,

      Saber sobre o trabalho de escavações: o próprio Arqueologia Egípcia repassa informações aos brasileiros, mas tem o site do Dr Zahi Hawass que é atualizado quase que semanalmente e traz muitas notícias do campo da arqueologia egípcia, e existem muitos outros (que já mencionei neste site) ligados justamente aos projetos de pesquisa, mas vou passar aqui o do Hawass e do EES:
      http://www.drhawass.com/
      http://www.ees.ac.uk/

      Sobre Estrabão e Heródoto: se entendi bem sua pergunta do “significado do olhar grego” primeiramente é a documentação, graças não só a eles, mas a Plutarco temos descrições de muitas atividades dos egípcios que os próprios africanos não mencionavam. Toda via é um “olhar grego” e algumas de suas exposições é a visão de estrangeiros em uma terra que eles consideravam excêntrica.

  3. Olá Márcia, tudo bom?
    Estava procurando no google sobre arqueologia, e apareceu seu site.
    Vi que você faz faculdade de arqueologia, certo?

    Onde você faz?
    Tenho muito interesse.

    Se puder me responder no e-mail eu agradeço.

    Obrigada

Os comentários estão desativados.