Mapa com algumas escavações arqueológicas no Egito

Por Márcia Jamille | Twitter | Instagram

A Egypt Exploration Society está cada vez mais preocupada com a Arqueologia Pública e nos últimos meses lançou um mapa interativo no Google Maps onde estão plotadas áreas de escavações arqueológicas realizadas por equipes dela ou financiada pela mesma.

A navegação é simples: ao acessar o link (que disponibilizo ao final deste texto) surgirá o mapa do Egito com pins coloridos apontando as cidades de interesse que também são listadas ao lado. Você pode navegar clicando em qualquer um dos dois e então abrirá um balão com algumas informações sobre as pesquisas na localidade.

Infelizmente não é possível visualizar de perto a área dos sítios arqueológicos com a ferramenta do Google Streets.

Mais sobre o mapa:

Em 2015-16 o portfólio de projetos de pesquisas de campo do Egypt Exploration Society será tão extensa e abrangente como sempre foi. Em adição às suas próprias expedições de longa data (“ESS Projects” abaixo), o EES irá auxiliar uma variedade de outras missões, financiado através do novo processo de submissões (http://goo.gl/NgeFUB), e outras iniciativas liderada por “investigadores em início de carreira” por meio do prêmio Centenary Awards (http://goo.gl/crOvpP). (Fonte: EES)

Para acessar o mapa é só clicar no seguinte link: https://www.google.com/maps/d/viewer?mid=zj2dEfOecO8s.kZQIvvDzjBZA

[Imagem] Anel do faraó Akhenaton

 

Anel do faraó Akhenaton onde podemos ver escrito o seu pré-nome “Nefer-kheperu-Ra Setep-en-Ra”. Encontrado pela Egypt Exploration Society em Amarna. Foto divulgação do World Museum Liverpool.

 

Este anel foi encontrado durante escavações da Egypt Exploration Society em Amarna entre 1932 e 1933. O que está escrito pode ser lido como Nefer-kheperu-Ra Setep-[en]-Ra – Belas são as manifestações de Rá -, que era o pré-nome do faraó Akhenaton. Duas considerações importantes que devem ser feitas acerca do objeto: a primeira é sobre a presença do nome do deus “Rá” (uma das manifestações do deus Sol) e a segunda é que este também era o nome da última das filhas do faraó com a rainha Nefertiti, chamada Setepenrá.

As informações para esta postagem foram obtidas na página de divulgação do World Museum Liverpool no Facebook.