Observe alguns sítios arqueológicos egípcios em 360º

Por Márcia Jamille Costa | @MJamille | Instagram

Isso não é mais nenhuma novidade, mas ainda assim é muito legal: há mais ou menos dois anos a internet está sendo presenteada com várias imagens em 360º de sítios arqueológicos pelo mundo. São vídeos ou fotos que nos permitem olhar estas paisagens por vários ângulos.

Se você possui óculos VR perfeito! Mas, mesmo alguns celulares e o computador possibilitam usar o recurso 360º desses registros.

Dendera Temple

Templo de Dendera.

Algumas redes sociais estão apostando no recurso, uma delas é o Facebook. Na página Egypt VR vocês podem ver algumas dessas imagens. Abaixo estou disponibilizando exemplos, mas é necessário clicar nas fotografias para acessar o Facebook e realizar o passeio. Quem está vendo este post pelo computador é só utilizar a seta do mouse para realizar os movimentos:

Platô de Gizé:

É neste local onde estão localizadas as pirâmides mais famosas do mundo: as três pirâmides do platô de Gizé onde, outrora, foram sepultados os faraós Khufu, Kheops e Menkaura. Embora elas sejam o destaque lá também estão presente três pirâmides menores dedicadas a rainhas e as sepulturas dos construtores destas grandes estruturas.

The Great Pyramids of Giza

A 360° Aerial perspective for pyramids of Giza 65m high above the ground.

Info@egyptvr.net

Publicado por Egypt VR em Domingo, 19 de junho de 2016

 

Templo de Dendera:

Em Dendera está um complexo de templos e um deles é dedicado à deusa Hathor. Em algumas das suas partes ainda é possível ver as pinturas originais:

Dendera Temple
Look up and discover Egypt`s most preserved temples in 360°

Info@egyptvr.net

Publicado por Egypt VR em Sábado, 11 de junho de 2016

 

Visão da sala hipóstila:

 

Dendera Temple “Temple of Hathor” – Outer hypostyle hall
Look up and discover Egypt`s most preserved temples in 360°…

Publicado por Egypt VR em Sábado, 22 de outubro de 2016

Templo de Luxor:

Ainda que no local tenha existido uma capela construída no início do Novo Império ou em algum período anterior, o que podemos ver no Templo de Luxor foi construído pelos faraós Amenhotep III e Ramsés III. Esse templo era dedicado ao Deus Amon e recebeu complementações ao longo de todo o período faraônico.

Luxor Temple

a temple complex located in the city of Thebes, the ancient capital of Egypt during the time of the new…

Publicado por Egypt VR em Segunda, 11 de julho de 2016

 

Vista de um dos pátios:

Luxor Temple -The Court of Amonhotep III

The temple of Luxor reveals the competitive nature of the Egyptian kings some…

Publicado por Egypt VR em Quinta, 20 de outubro de 2016

 

Templo de Karnak:

Karnak é um complexo de templos que sofreu uma série de mudanças ao longo do tempo recebendo novas construções, complementações e restaurações. Alguns deuses foram homenageados nesse local, mas foi Amon quem recebeu o maior destaque.

Karnak Temple

Discover the Great Hypostyle Court of Karnak Temple in 360°

The Karnak Temple Complex, commonly known…

Publicado por Egypt VR em Domingo, 26 de junho de 2016

 

Uma das estátuas de Ramsés II presentes no local:

Statue of Ramesses II in Karnak Temple in Luxor Egypt

A panoramic view of the intro of the Great Hypostyle hall in the Precinct of Amun Re

info@egyptvr.net

Publicado por Egypt VR em Domingo, 7 de agosto de 2016

 

Tumba de Ramsés III

Dada a beleza desta tumba, ela já era alvo de turistas durante o período Greco-Romano. Ramsés III é um rei amplamente conhecido na egiptologia por conta do texto “A Conspiração do Harém”, que relata a tentativa de seu assassinato.

— Saiba mais sobre esse rei: Ramsés III foi morto durante um ataque de mais de um assassino, diz pesquisadores

Tomb of Ramses III (KV11)

King Ramses III was the second ruler of the Twentieth Dynasty, and the last of great…

Publicado por Egypt VR em Terça, 25 de outubro de 2016

 

Tumba da Ramsés VI

Esta é outra tumba do Período Ramsesssida que foi alvo de interesse de turistas da antiguidade. A priori ela pertenceria a Ramsés V, mas o projeto foi abandonado por ele e assumido por Ramsés VI.

Explore Ramesses VI Tomb in 360°

Info@egyptvr.net

Publicado por Egypt VR em Sexta, 10 de junho de 2016

 

Templo Mortuário de Hatshepsut:

O templo funerário da faraó Hatshepsut possui vários capitéis em homenagem à deusa Hathor. Este é um edifício escavado na rocha e foi lá onde a governante registrou nas paredes as principais conquistas do seu governo.

Mortuary Temple of Hatshepsut
The Mortuary Temple of Queen Hatshepsut is located beneath the cliffs at Deir el Bahari on…

Publicado por Egypt VR em Terça, 5 de julho de 2016

 

Uma olhada mais próxima:

Mortuary Temple of Hatshepsut

The Mortuary Temple of Queen Hatshepsut is located beneath the cliffs at Deir el Bahari…

Publicado por Egypt VR em Sábado, 18 de junho de 2016

— Veja também: Encante-se com o templo da faraó Hatshepsut

Templo funerário de Ramsés III:

Esse é outro exemplo de templo funerário. Ele foi construído por Ramsés III e possui alguns registros do seu reinado.

Medinet Habu Temple – Path to first Court

In ancient times Madinat Habu was known as Djanet and according to ancient…

Publicado por Egypt VR em Sábado, 22 de outubro de 2016

 

Templo de Edfu:

Esse templo possui detalhes construídos em diferentes períodos. Sabemos por exemplo de um pilono edificado pelo faraó Ramsés II e de várias estruturas construídas pelos reis do Período Ptolomáico

Edfu Temple “The Temple of Horus”
Tomb of Osiris

info@egyptvr.net

Publicado por Egypt VR em Quarta, 6 de julho de 2016

 

Templo de Kom Ombo:

Embora esse templo seja dedicado a pelo menos seis divindades, ele é lembrado principalmente por conta do deus crocodilo Sobek. É graças a isso que uma necrópole próxima foi dedicada ao sepultamento múmias desse animal, cujos remanescentes encontram-se hoje no templo.

Apesar de possuir restos de construções de outros períodos, o provável é que este lugar tenha sido construído durante a era ptolomaica.

Temple of Kom Ombo

The Temple of Kom Ombo is an unusual double temple in the town of Kom Ombo in Aswan Governorate,…

Publicado por Egypt VR em Sexta, 28 de outubro de 2016

 

Templo de Philae:

É em Philae onde encontra-se a inscrição hieroglífica mais recente, sendo o nosso último vínculo com esta antiga escrita. Dedicado a deusa Ísis, o templo construído nesta ilha recebeu blocos de construção de outros edifícios religiosos do Egito, mas, possivelmente, o primeiro governante a construir no local tenha sido Nectanebo I.

Philae “Temple of Goddess Isis” in Agilkia Island

Philae: is currently an island in the reservoir of the Aswan Low Dam…

Publicado por Egypt VR em Quinta, 27 de outubro de 2016

 

Templo de Ramsés II em Abu Simbel:

Esta é a fachada do Templo de Ramsés II. Ele, ao lado do Templo da Rainha Nefertari, marcava o encontro entre o império egípcio e o reino da Núbia, de onde os faraós retiravam ouro e outros materiais precisos. Acredita-se que o intuito desses templos era mostrar tanto o poder político como divino do faraó e sua esposa.

Abu Simbel Temples – The Small Temple of Nefertari

In 1257 BCE, Pharaoh Ramses II (1279-13 BCE) had two temples carved…

Publicado por Egypt VR em Quarta, 15 de junho de 2016

 

Uma olhada mais de perto:

Abu Simbel Temples – The Great Temple of Ramesses II

Get a closer look to the great temple of Ramesses II in a 360°

Info@egyptvr.net

#EgyptVR #VR #EGYPT

Publicado por Egypt VR em Quarta, 15 de junho de 2016

 

— Saiba mais sobre esses templos: Lindas imagens dos templos de Ramsés II em Abu Simbel

Vista para o Nilo:

Esta é a vista para o Nilo de uma ilha sudanesa, que no passado estava na fronteira entre o Egito e a Núbia. Durante a época dos faraós o Nilo era uma visão sagrada. Ele em si não era uma divindade, mas as suas cheias eram relacionadas com Ísis e a fertilidade trazida por ele com Osíris. Já quem era responsável por verter as águas do Sul ao Norte era uma divindade aparentemente hermafrodita, Hapi.

 

Saly`s house at Heissa island
Nubia – Egypt
December 31, 2014

Publicado por Egypt VR em Terça, 20 de dezembro de 2016

 

Se você gosta de Arqueologia e tecnologia pode conferir também um post sobre o assunto no Descobrindo o Passado.

Explorando os templos de Karnak e Luxor

Por Márcia Jamille Costa | @MJamille | Instagram

Waset, hoje chamada de Tebas, foi durante uma parte da história faraônica o centro econômico e administrativo do Egito. Seu auge se deu no início do Novo Império, na 18ª Dinastia, quando o seu deus padroeiro, Amon, virou divindade suprema, recebendo, inclusive, um sincretismo com Rá, divindade solar primordial, tornando-se Amon-Rá.

Foi em Tebas onde foram erigidos dois grandes complexos de templos que existem até hoje: Karnak e Luxor.

KarnakColunas de Karnak

Infelizmente nem todos possuem dinheiro para poder ir ao Egito e visitar estas estruturas pessoalmente, mas sempre existe alguém na internet disposto a compartilhar sua experiência. Abaixo estão dois vídeos onde é possível conhecer um pouco mais esses dois complexos, mas a partir do ponto de vista de um turista comum. Em ambos o visitante só caminha passando pelas estruturas arquitetônicas. É realmente bem interessante. Confira a seguir.

Karnak:

Nele foram encontrados templos datados da 12ª Dinastia até o Período Romano. É composto por construções dedicadas a Amon, Montu, Mut e Khonsu.

Luxor:

Possui um templo dedicado a Amon e construções datadas da 18ª Dinastia até a época do reinado de Alexandre Magno.

A arquitetura dos faraós: túmulos e moradias

Por Márcia Jamille | @MJamille | Instagram

Nos muitos livros e revistas dedicados a falar sobre a civilização egípcia sempre nos deparamos com a afirmativa de que o Egito só prosperou por conta das cheias do Nilo. Entretanto, raramente somos alertados de que para que elas pudessem ser aproveitadas de forma satisfatória canais foram construídos para distribuir a água e permitir o transporte de pessoas, animais, alimentos e matérias-primas por todo o país, assim como barragens de contenção eram utilizadas para evitar que as fortes cheias invadissem as residências.

Fora que é um pensamento muito simplista considerar que a arquitetura, independente da época, tem como única finalidade edificar abrigos ou edifícios belos. Ela, acima de tudo, é algo proposital, ou seja, independentemente do tamanho da obra, o seu planejamento necessitou de toda uma organização humana. Por esse motivo, não se pode ignorar que ela pode ser capaz de influenciar na percepção das pessoas em relação a uma determinada cultura, religião, figura política, etc.

Abaixo, compartilho um vídeo que gravei para o canal do Arqueologia Egípcia no Youtube (clique aqui para se inscrever) onde dou alguns exemplos do uso da Arquitetura como uma ferramenta de poder e como um discurso religioso. Também apresento alguns tipos de moradias e falo sobre a construção de túmulos:

– Saiba mais: Foi descoberta documentação que comenta construção da Grande Pirâmide

Egito, uma civilização unicamente funerária?

Quando pensamos no Egito Antigo, não é incomum lembrarmos imediatamente das pirâmides ou dos túmulos do Vale dos Reis, como se a Arquitetura egípcia tivesse sido desenvolvida única e exclusivamente para atender a morte e o suposto fascínio que os egípcios possuíam por temas de cunho funerário. Resumir toda uma população de uma civilização que existiu por milênios a suposição de que todos eram indivíduos melancólicos ou obcecados com a ideia da morte é um erro. Atualmente é reconhecido que essas pessoas estavam mais interessadas em perpetuar a vida e tentar evitar a inevitável morte.

Imagem 1: Pirâmide em Deir el-Medina. Foto: WILDUNG, 2009.

Assim, a perspectiva de que através de ritos, amuletos e da própria arquitetura seria possível dar uma chance ao falecido de ingressar em um novo ambiente – uma pós vida – foi vista com muita consideração. No entanto, paralelamente a ideia de eternidade, foi um pensamento comum o de que uma vez que a vida após a morte seria infinita, não teria cabimento que o corpo do morto e a sua tumba fossem finitos. Por este motivo foi que a arquitetura tumular fez uso de matérias primas mais resistentes tais como pedras calcárias ou granito, enquanto que casas eram feitas com tijolos de barro.

Imagem 2: Cena disponibilizada pela Edições Del Prado, uma editora especialista em venda de modelos colecionáveis. Confira aqui outras imagens!

Seguindo um principio parecido era os templos egípcios, ao menos os principais, tais como os de Karnak, Luxor, Abu Simbel, etc.

Imagem 3: Foto aérea do templo de Karnak. Foto: National Geographic.

E ainda temos, claro, as moradias tanto das pessoas da realeza, como daquelas de fora dela. Em ambos os casos os materiais mais comuns utilizados foi o adobe e é exatamente por isso que não possuímos nenhuma amostra desse tipo de edificação totalmente de pé. Contudo, os antigos egípcios nos brindaram com uma extensa iconografia e muitas maquetes, algumas das quais utilizei como base para construir os modelos que apresento no vídeo que abre essa postagem.

Imagem 4: Representação de uma casa do Período Faraônico. Foto: STROUHAL, 2007.

Imagem 5: Reprodução de casa do Peíodo Faraônico.

Arquitetura egípcia é um tema muito amplo e que planejo retomar muito em breve apontando casos mais específicos. Lembrando que lá no canal já falei, por exemplo, do templo de Ramsés II em Abu Simbel. Clique aqui e assista.

Fontes:

BAINES, John; MALEK, Jaromir. Deuses, templos e faraós: Atlas cultural do Antigo Egito (Tradução de Francisco Manhães, Maria Julia Braga, Michael Teixeira, Carlos Nougué). Barcelona: Folio, 2008.

DODSON, Aidan. As Pirâmides do Antigo Império (Tradução de Francisco Manhães, Maria Julia Braga, Carlos Nougué). Barcelona: Folio, 2007.

KEMP, B. El Antiguo Egipto: Anatomía de uma civilización. Tradução de Mònica Tusell. Barcelona: Ed. Crítica, 1996.

STROUHAL, Eugen. A vida no Antigo Egito (Tradução de Iara Freiberg, Francisco Manhães, Marcelo Neves). Barcelona: Folio, 2007.

ZARANKIN, Andrés. Arqueología de la Arquitectura: modelando al individuo disciplinado em la sociedad capitalista. Revista de Arqueologia Americana. n. 22, 2003; p. 25-39.

WILDUNG, Dietrich. O Egipto: da pré-história aos romanos (Tradução de Maria Filomena Duarte). Lisboa: Taschen, 2009.

Links interessantes:

Amarna 3D
http://www.amarna3d.com/

EgyptVR
https://www.facebook.com/EgyptVR/

Karnak 3D
http://www.karnak3d.net/

Theban Mapping Project
http://www.thebanmappingproject.com/