De acordo com jornais, Museu Egípcio do Cairo reabrirá, porém sob rigorosas medidas anti-coronavírus

Por Márcia Jamille Costa | @MJamille | Instagram

Devido à pandemia da COVID19 (coronavírus), muitos museus ao redor do planeta têm fechado suas portas e disponibilizado passeios virtuais. Um dos países que têm adotado essa medida foi o Egito, que criou passeios virtuais de uma série de sítios e edifícios arqueológicos e atrasou a inauguração do Grande Museu Egípcio. Localizado no platô de Gizé, sua abertura oficial estava prevista para o final desse ano de 2020.

Contudo, uma notícia recente está apontando que o diretor do Museu Egípcio do Cairo teria revelado no último domingo, dia 10 de maio, que museu será reaberto aos visitantes. Porém, aplicando rigorosas medidas contra a COVID19.

The Cairo Egyptian Museum
Museu Egípcio. Foto: Planes and Places (https://flic.kr/p/8dRfKL)

O Museu Egípcio ainda não se pronunciou em suas redes sociais, entretanto, alguns veículos da mídia egípcia têm veiculado o assunto. De acordo com os portais Zawya e o Daily Newss Egypt, por exemplo, parte da famosa coleção do museu será exibida nas quatro salas que outrora abrigavam as 22 múmias reais. Múmias essas que já foram transferidas antes da pandemia para o Museu Nacional da Civilização Egípcia em Fustat.

E é importante mencionar que os visitantes não poderão ver parte dos artefatos arqueológicos que foram retirados da tumba do faraó Tutankhamon. Eles já foram transferidos para o Grande Museu Egípcio.

Rosto de um dos sarcófagos do Faraó Tutankhamon. Foto pertencente ao acervo da National Geographic. Kenneth Garrett. Setembro de 1998.

Vale salientar que o museu têm se preparado para o translado dos artefatos de Tutankhamon há mais de dois anos. Aqui no site noticiei em 2018 que eles já sabiam quais artefatos iriam substituí-lo na exposição e em 2019 o museu passou por reformas importantes.

Também foi acrescentado que atualmente está sendo preparanda uma proposta para registrar o Museu Egípcio como Patrimônio Mundial da UNESCO, uma vez que é um dos mais antigos museus do oriente. Também é salientado que novas placas com explicações sobre as exposições serão feitas visando mostrar os locais e as datas das descobertas dos artefatos arqueológicos que estarão disponíveis para visitação.

Permaneceremos no aguardo de um pronunciamento para imprensa internacional por parte do Ministério das Antiguidades e Turismo do Egito.

Fontes:

Egyptian Museum to re-open visitors under strict anti-coronavirus measures. Disponível em < https://wwww.dailynewssegypt.com/2020/05/10/egyptian-museum-to-re-open-visitors-under-strict-anti-coronavirus-measures/ >. Acesso em 13 de maio de 2020.

Egyptian Museum to re-open visitors under strict anti-coronavirus measures. Disponível em < https://www.zawya.com/mena/en/life/story/Egyptian_Museum_to_reopen_visitors_under_strict_anticoronavirus_measures-SNG_174221588/ >. Acesso em 13 de maio de 2020.

Márcia Jamille

Arqueóloga formada pela UFS com a monografia “Egito Submerso: a Arqueologia Marítima Egípcia” e mestra em Arqueologia também pela UFS com a pesquisa “Arqueologia de Ambientes Aquáticos no Egito: uma proposta de pesquisa das sociedades dos oásis do Período Faraônico”. É administradora do Arqueologia Egípcia e autora do livro "Uma viagem pelo Nilo". [Leia seu perfil]